Você já ouviu falar sobre o que é marketing de conteúdo? O marketing de conteúdo é uma estratégia utilizada principalmente nas redes sociais para atrair, engajar e vender produtos. Ela está cada vez sendo mais utilizada e traz ótimos resultados para o seu negócio.

Por esse motivo, para você entender melhor sobre o assunto e começar a implementá-lo, separamos um guia completo para você tirar todas as suas dúvidas sobre marketing de conteúdo. Continue lendo para saber mais. Boa leitura!

O que é marketing de conteúdo?

O marketing de conteúdo é um conjunto de estratégias cujo objetivo é produzir materiais de valor para atrair o cliente e fazê-lo realizar uma compra ou contratar um serviço. Essa estratégia pode ser realizada nos canais online como Instagram, Facebook, Linkedin, TikTok ou até mesmo um blog.

No entanto, para que o marketing de conteúdo funcione é preciso conhecer a persona, mapear as estratégias utilizadas pelos concorrentes e fazer testes eventualmente. Assim, você consegue planejar conteúdos que realmente funcionem e tragam resultados.

Quais são as suas vantagens?

Esse recurso traz várias vantagens para a sua marca porque, além de aumentar a possibilidade de gerar vendas, você aumenta o valor da marca, gera leads e reduz os custos para captação do cliente. Mas para você entender melhor, a seguir explicaremos o que significa cada uma dessas vantagens.

Redução de custos para captação de cliente

Há alguns anos, quando uma empresa definia estratégias para a captação de cliente, normalmente ela ia atrás do potencial cliente para oferecer uma proposta, o que chamamos outbound marketing.

Hoje, as estratégias mais comuns online são as de inbound marketing, com o intuito de atrair o cliente para que ele procure a empresa, e não o contrário.

Dessa forma, o marketing de conteúdo possui várias vantagens, dentre elas, o cliente vir até a empresa, facilitando bastante na execução da estratégia e reduzindo os custos para captação de clientes.

Aumento do valor da marca

Além disso, como o objetivo do marketing de conteúdo é produzir conteúdos de valor, isso também reflete no valor da marca. Quando um potencial cliente vê conteúdos que são informativos e podem ajudá-lo, ele passa a enxergar a marca com mais credibilidade e competência.

Geração de leads

Outra vantagem que o marketing de conteúdo proporciona é a geração de leads. Os leads podem ser entendidos como os contato dos potenciais clientes. Dessa forma, a partir do cadastro deles, você poderá criar estratégias de e-mail marketing para captação. Normalmente, a disponibilização de materiais gratuitos é a estratégia mais utilizada nesse caso.

Como começar a implementar?

Para começar a implementar uma estratégia de marketing de conteúdo, é preciso seguir algumas etapas. Isso é necessário porque uma estratégia de marketing de conteúdo envolve planejamento, análise de mercado, pesquisa de persona entre outros aspectos. 

Portanto, a seguir, explicaremos quais são as etapas para você implementar.

Estudo de mercado

A primeira etapa é verificar como está o mercado, para analisar quais são os concorrentes, o que as pessoas mais procuram neles, entre outros. Essa etapa é essencial, visto que você terá diferentes ideias de quais conteúdos produzir, se é um mercado com potencial de crescimento e até como se diferenciar dos concorrentes.

Para realizar esse estudo, sugerimos que você separe até 5 concorrentes para verificar suas estratégias e leia artigos sobre o seu segmento de atuação. Assim, você terá informações suficientes para iniciar esse passo.

Definição de persona

A persona é um personagem semifictício que representa o seu cliente ideal. Diferente do público-alvo, a persona é mais específica, por isso com ela você possui mais detalhes para criar a sua estratégia.

Para você entender melhor, veja uma diferença entre o público-alvo e a persona:

Planejamento de conteúdo

Com o estudo feito e a persona definida, a próxima etapa é fazer um planejamento de conteúdo, com o objetivo de planejar quais materiais serão produzidos.

 Em um planejamento é preciso saber o tema, a etapa do funil e qual canal será utilizado.

Nessa etapa, você precisa definir a etapa do funil conforme o seu objetivo, por exemplo:

No planejamento, você também vai determinar quando os conteúdos serão postados e em qual horário. Normalmente, no início será necessário fazer alguns testes para encontrar o dia e o horário ideais. Depois disso, ficará mais fácil saber qual o melhor momento analisando as suas métricas.

Produção de conteúdo e postagem

Após realizar os passos anteriores, será preciso produzir os conteúdos com estratégias de copywriting, para então poder postá-los. Lembre-se que no momento da produção de conteúdo, você precisa utilizar uma linguagem que se comunique com a persona e criar um conteúdo que se diferencie do concorrente.

Em relação ao agendamento de postagens, você pode utilizar algumas ferramentas de agendamento como Etus ou Mlabs.

Análise de métricas

Depois que você publica um conteúdo, é preciso analisar as métricas após alguns dias, ou seja, verificar os resultados obtidos com aquela postagem. A análise de métricas vai variar muito conforme o seu objetivo como aumentar o engajamento, o número de seguidores, vendas ou outros. 

No Instagram, por exemplo, você pode verificar as métricas pela própria ferramenta de “insights” da rede social. Já em um blog, você consegue verificar pelo Google Analytics. É preciso também fazer uma comparação com os resultados anteriores para obter uma análise mais assertiva.

Chegamos ao final desse artigo e se você gostou desse conteúdo sobre o que é marketing de conteúdo, aproveite também para ler o nosso artigo sobre SEO!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × quatro =